Domingo, 20 de agosto de 2017
Área administrativa
Busca de imóveis
Busca detalhada Busca no mapa Imobiliária/Corretor
Cliente infoimóveis

Administre seus imóveis no site.

Área administrativa

Notícias

Confira notícias do ramo imobiliário
+ - Tamanho da fonte
Segunda-feira, 31 de julho de 2017

Precauções ao adquirir um imóvel, dicas e cuidados para planejar com segurança o sonho da casa própria

Seja para uso próprio, ou para investimento, a aquisição de um imóvel deve ser realizada através do acompanhamento de um corretor de imóveis, tendo em vista ser ele o único profissional qualificado para trazer segurança aos negócios imobiliários .ja para uso próprio, ou para investimento, a aquisição de um imóvel deve ser realizada através do acompanhamento de um corretor de imóveis, tendo em vista ser ele o único profissional qualificado para trazer segurança aos negócios imobiliários .

Ninguém melhor do que ele para orientá-lo a respeito das principais exigências para a contratação de um financiamento, verificar a documentação da propriedade e, ainda, oferecer uma ampla visão sobre o bairro e a infraestrutura existente na vizinhança, além de ser o único profissional qualificado para trazer segurança aos negócios imobiliários, assumindo integral responsabilidade pelos eventuais prejuízos decorrentes de intermediações mal sucedidas.

Para que se tenha uma ideia da complexidade para encontrar o melhor imóvel os sócios Luiz Eduardo Perna e Ronnie Sang de um portal de imóveis, selecionou algumas das atividades básicas em qualquer intermediação imobiliária, as quais poderão ser acrescidas de outras, diante de cada caso :

• Verificar se o imóvel está devidamente regularizado, consultando sua documentação junto ao Ofício Predial;

• Verificar se sobre ele incide algum ônus, como hipoteca, penhora, garantia locatícia, desapropriação, etc.

• Verificar eventual existência de débitos referentes a impostos, taxas ou condomínios, mediante solicitação de certidão negativa junto à Prefeitura Municipal ou ao Condomínio, bem como eventuais pendências de pagamentos junto aos fornecedores de energia elétrica, água e gás;

• Verificar se a construção foi regularizada junto à Prefeitura Municipal, se está averbada junto ao Ofício Predial e se os valores devidos ao INSS foram recolhidos;

• Verificar se o proprietário do imóvel não possui restrições para a venda do mesmo, mediante obtenção de certidões dos Cartórios de Protestos, do Distribuidor Civil e Criminal da Comarca do imóvel e daquela onde reside e da Justiça Federal, bem como da Receita Federal;

• Verificar se o imóvel não envolve direitos de menores, quando então a venda somente poderá ser realizada mediante prévia autorização judicial;

• Verificar a eventual existência de sucessão por herança ou separação judicial e, caso constatado, verificar o formal de partilha e seu registro junto ao Ofício Predial;

• Se a compra for feita à vista, cuidar para que seja outorgada a definitiva escritura, mediante tabelião de confiança;

• Se a compra for feita a prazo, cuidar da elaboração do compromisso, assegurando os direitos e as responsabilidades das partes envolvidas no que diz respeito ao estado do imóvel, condições de pagamento, atualização de valores, obrigações quanto aos impostos e taxas, etc.

• Concluída a negociação, informar sobre a necessidade de registro junto ao Ofício Predial e dos custos para a prática desse ato.

Imóvel Usado

Caso o imóvel seja usado, é necessário redobrar a atenção com os documentos apresentados relativos ao próprio bem, tais como:

• Matrícula atualizada: para constatar que quem está vendendo o apartamento é realmente quem figura no documento;

• Certidão atualizada de IPTU: para observar se a casa ou o apartamento não possui quaisquer débitos com a prefeitura;

• Certidão negativa de débitos condominiais: para checar a quitação das taxas prévias de condomínio;

• Serviços básicos: para avaliar a quitação de débitos junto às concessionárias de água e esgoto, energia e gás;

Pesquisas em entes públicos: para saber se o imóvel pretenso não está declarado como de utilidade pública — já imaginou comprar um imóvel que está em vias de ser desapropriado?

Sendo essas atividades de extrema responsabilidade, é absolutamente necessário verificar se a pessoa ou empresa que se apresentam como intermediários do negócio são, efetivamente, inscritos no CRECISP, de forma a demonstrar sua qualificação, idoneidade, seriedade e, além disso, a obrigação de se submeterem a um Código de Ética Profissional.

De acordo com especialistas, o segmento apresentará recuperação lenta e gradual, mas será bem diferente do que foram os últimos dois anos, podendo atingir um crescimento de até 10% nas unidades comercializadas em comparação a 2016, ano em foram financiados 199,7 mil imóveis, de acordo com a Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip).

Mais imagens:
Fonte: Portal Terra / Dino