Quarta-feira, 20 de setembro de 2017
Área administrativa
Busca de imóveis
Busca detalhada Busca no mapa Imobiliária/Corretor
Cliente infoimóveis

Administre seus imóveis no site.

Área administrativa

Notícias

Confira notícias do ramo imobiliário
+ - Tamanho da fonte
Terça-feira, 29 de agosto de 2017

Concen se manifesta pelo aprimoramento do contato entre concessionária e consumidor

O Concen-MS (Conselho dos Consumidores de Energia Elétrica da Área de Concessão da Energisa-MS) enviou suas contribuições à Consulta Pública nº 007/2017, que tem como objeto obter subsídios para o aprimoramento das disposições do atendimento ao público previstas na Resolução Normativa nº 414/2010, conforme item 33 da Agenda Regulatória 2016-2018.

"O CONCEN-MS apoia todos o meios tecnológicos que possibilitem o acesso rápido as suas demandas", explica a presidente da entidade, Rosimeire Cecília da Costa. Dentre os aspectos consultados, está a ampliação de canais obrigatórios para o contato, incluindo os eletrônicos (e-mail, celular).

As considerações do Concen-MS levam sempre ponderações. Quanto ao aumento de canais, por exemplo, a entidade lembra da necessidade de que a Aneel acompanhe, por meio de relatórios emitidos pelas concessionárias de forma a controlar a necessidade de procedimentos que podem ser custosos, como impressões.

Em outro momento, é questionado se a distribuidora deve dispor de meios automáticos para que, identificando a ausência de pagamento na data de vencimento, notifique o consumidor cadastrado (SMS, e-mail etc.) sobre o ocorrido antes da emissão da próxima fatura e antes da notificação da suspensão do fornecimento. Neste caso, o Concen-MS também apoia essas ferramentas para lembrar o consumidor sobre o vencimento, mas é preciso estar atento para que não haja abusos de forma que o cliente possa ficar exposto a condições vexatórias.

A entidade apoia, ainda, as agências virtuais,  mas que, principalmente, após a virtualização, a economia com a redução de despesas chegue à tarifa de energia elétrica. "Mesmo porque não haverá despesas com documentos físicos e isso tem que se refletir na tarifa - com redução", diz Rosimeire. 

Mais imagens:
Fonte: Redação - Foto: Divulgação
Acompanhe o InfoImóveis
    Todas as informações dos anúncios são de responsabilidade dos respectivos anunciantes.