Sexta-feira, 20 de outubro de 2017
Área administrativa
Busca de imóveis
Busca detalhada Busca no mapa Imobiliária/Corretor
Cliente infoimóveis

Administre seus imóveis no site.

Área administrativa

Notícias

Confira notícias do ramo imobiliário
+ - Tamanho da fonte
Sábado, 11 de março de 2017

Trabalhador pode utilizar FGTS em cotas de Consórcio Imobiliário

Os consumidores estão aderindo cada vez mais aos sistemas de Consórcio Imobiliário para aquisição da casa própria. No segundo semestre de 2016, este serviço teve aumento de 13,5% no número de adesões. No mesmo período, 71,3 mil clientes foram contemplados com a carta e puderam adquirir o imóvel. No último ano, 3.148 trabalhadores utilizaram recursos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) para investir no sistema de consórcio para aquisição da casa própria, o que movimentou R$ 118.8 milhões no mercado.

De acordo com o governo federal, o saldo do FGTS pode ser utilizado no âmbito do sistema de consórcio, por meio de “oferta de lance, para obtenção da Carta de Crédito ou complementação do valor da carta obtida pelo trabalhador para compra de imóvel residencial, concluído ou em construção. O saldo da conta vinculada do Fundo também pode ser aplicado para amortização, liquidação de saldo devedor e pagamento de parte das prestações adquiridas em sistemas imobiliários de consórcio” – site FGTS.

Segundo a Associação Brasileira de Administradoras de Consórcio (Abac), a população brasileira adotou uma postura diferente no segundo semestre do ano passado. Apesar da retração financeira, ficou evidenciada a confiança no sistema. “Os consumidores estão se informando mais sobre as características da educação financeira, na qual os consórcios fazem parte, e tendo a certeza de que planejar, por meio de uma poupança, com objetivo definido, pode ser o melhor caminho para adquirir propriedades, veículos e outros bens de consumo ou mesmo contratar serviços, sempre de forma responsável”, afirma o presidente da Associação, Paulo Roberto Rossi.

Os valores e prazos das cotas e para cada grupo é previamente estabelecido pela Administradora. “Dessa forma, o cliente tem consciência de que esse será um processo a médio/longo prazos, de acordo com o grupo escolhido. Mesmo assim, o consorciado tem a chance de comemorar sua conquista antecipadamente por meio da oferta de lances ou de sorteio com base na Loteria Federal”, disse o gerente de Vendas do Consórcio Bancorbrás, Wagner Vilas Boas.

O papel da Administradora de Consórcio inicia com a aquisição da cota pelo consumidor e se encerra com a disponibilização, ao contemplado, da carta de crédito e todo o apoio com as informações necessárias para aquisição do imóvel. Após esta etapa, entra o Corretor de Imóveis, escolhido pelo associado, que tem papel importante de auxiliá-lo na busca do imóvel ideal para a realização do sonho: a conquista da casa própria.

Para o Conselho Regional de Corretores de Imóveis da 8ª Região (CRECI/DF), o crescimento na procura por este modelo de negócio é positivo para o mercado imobiliário e este sistema pode ajudar no reaquecimento das vendas de imóveis no DF. “É uma forma interessante para comprar um imóvel. As pessoas pagam mensalmente pelo bem sem comprometer a renda familiar. É como se fazer uma poupança ou até mesmo pagar o aluguel com apenas um objetivo, comprar a casa própria”, afirmou o presidente do CRECI/DF, Hermes Alcântara.

Ao contratar o serviço, o cliente escolhe uma carta de crédito de acordo com o valor necessário para a aquisição, construção ou reforma do imóvel. As parcelas mensais, se pagas em dia, são fixas e não correm juros. Os sorteios das cartas ocorrem por meio eletrônico do Sistema de Loterias da Caixa Econômica Federal (CEF). Mas, antes de firmar parcerias, é necessário tomar alguns cuidados. “É importante que o consumidor verifique a situação da Administradora de Consórcio no Banco Central, órgão responsável pela fiscalização e pela autorização das atividades das Administradoras, além de avaliar a sua postura perante o mercado e os clientes”, alerta Wagner Vilas Boas.

O governo mantém uma página na internet com perguntas e respostas sobre diversas dúvidas que o trabalhador pode ter ao querer utilizar o FGTS para investimento no Sistema de Consórcio. Para acessá-lo, clique aqui.

Mais imagens:
Fonte: Redação - Foto: Divulgação
Acompanhe o InfoImóveis
    Todas as informações dos anúncios são de responsabilidade dos respectivos anunciantes.